O que é mercado de câmbio e como funciona?

Atualizado: Jan 21

O mercado de câmbio ou Foreign Exchange é onde são negociadas as divisas (moedas) em pares, e a movimentação desses pares mede o valor de uma moeda em relação à outra. Por exemplo, o par EURUSD mede o valor do Euro face ao Dólar Norte Americano. Quando o valor do par sobe, isto significa que o valor do euro aumentou em relação ao dólar americano. Quando o valor do par desce, significa que o valor do dólar Norte americano aumentou (ou que o valor do euro diminuiu).

Trata-se do maior mercado do mundo, circulando um volume estimado que totaliza 5,3 trilhões de dólares, que são negociados diariamente entre os governos, os bancos, as empresas e os traders individuais.


Para obter resultado, o trader deve se posicionar em uma operação de compra ou venda em determinado par, como EURUSD supracitado. O lucro (ou perda) origina-se da diferença entre o preço do ativo no momento da operação em detrimento ao preço no encerramento da operação.


As operações levam em consideração aspectos macro e microeconômicos de ambas as divisas, análises técnicas e gráficas além de probabilidade e estatística.


Investimentos no mercado de câmbio são legais no Brasil?


Sim, inclusive existe a Instrução Normativa SRF nº 84/2011, da própria receita federal que dispõe sobre como devem ser declarados os ganhos advindos de tal. Há alguns pontos que precisam de atenção:


1. O Brasil é um dos poucos países que ainda não regulamentam o mercado de câmbio. Por isso, nenhuma corretora brasileira é autorizada pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) a ofertar esse tipo de aplicação. Mas o dinheiro é seu e você possui liberdade legal para aplica-lo onde quiser. Por isso há ressalvas para investir neste mercado pois será necessário aplicar seu capital em corretoras estrangeiras. Devido a este fato, nós da BM indicamos corretoras que já trabalhamos há bastante tempo e que são regulamentadas por instituições sérias de grandes países - mas lembre que você tem liberdade de escolher outras corretoras.


2. É importante atentar-se as regras de declaração de imposto de renda. Converse com seu gerente de contas da BM ou procure seu contador.


Qual é o risco de perder todo meu capital aplicado?

Como trata-se de renda variável, sempre orientamos a Nunca investir valores que não possa perder, pois resultados passados não são garantias futuras. No entanto, o passado é a única métrica útil para utilizarmos a fim de gerar o números probabilísticos. O nível de risco depende da estratégia e gerenciamento adotados - a relação risco x retorno é diretamente proporcional, quanto mais lucro busca-se mais risco expõe-se.